Curso de Libras Online – Aulas Completas de Linguagem de Sinais

Fazer um curso de libras online é uma das melhores coisas que se pode fazer, não só para a sociedade mas para o seu currículo profissional. Libras é uma habilidade fundamental! Que vem a ser uma nova forma de ver o mundo, ajudando-o a expandir seus níveis de relacionamento e compreensão. Podendo até mesmo te colocar em um mercado de ensino, fazendo um bem a si mesmo e ao próximo.

Conhecer a linguagem de sinais através de um curso de libras permitirá que você se encontre e interaja com um novo grupo de pessoas.
Também permitirá que você se comunique com seu bebê muitos meses antes dos pais convencionais.

Aprender pode ajudar consideravelmente a melhorar o seu cérebro! Adquirir uma segunda língua está ligado à evolução neurológica e ajuda a manter sua inteligência alerta e forte à medida que envelhece.

completo-libras

 

Por que um curso de libras online?

Um curso de libras é um grande diferencial para todas áreas de trabalho, sobretudo para professores. A vantagem de fazer um curso de libras online é que a possibilidade de poder não só seguir o curso em seu ritmo, mas principalmente poder assistir quantas vezes quiser. Dessa forma, um curso de libras online possibilita que você esteja sempre praticando.

O que é a Libras

Libras é uma linguagem gestual visual. Uma linguagem baseada nas expressões, através dos gestos e do rosto e que é percebida através da visualização.

Não é apenas movimentar as mãos pelo ar. Se você abaixar suas sobrancelhas, inclinar sua cabeça, olhar para uma certa direção, inclinar seu corpo de uma determinada maneira, fazer na sua bochecha qualquer “inflexão”, você estará adicionando ou alterando o significado do que está sendo dito.

Uma comunicação “visual gestual” contém tanta informação quanto qualquer outra linguagem falada. Há muito mais para aprender no idioma de sinais do que apenas memorizar sinais. Um curso de libras completo, foca não só na “decoreba”, mas em aprender o que há por de trás dos sinais.

A linguagem de libras possui sua própria gramática, história, terminologia, cultura e outras características únicas.
É preciso muito estudo e dedicação para se tornar um “fluente em libras”. Mas a linguagem de sinais é imensamente recompensadora e pode te trazer diversos benefícios inconcebíveis, então entre de cabeça no curso de libras e divirta-se!

 

curso-de-libras-imagem

 

História da Linguagem de sinais (Libras)

Os eventos ocorridos na história da linguagem gestual são bastante impactantes. A vida dos surdos no mundo atual está diretamente ligada a um passado onde muitos deficientes auditivos tiveram que lutar por direitos justos e pelo fim de uma opressão.

Não faz muito tempo em que os surdos foram drasticamente mal tratados e até mesmo distanciados de uma vida mais justa. São muitos os deficientes auditivos famosos que fizeram um nome para os surdos ao longo da história da linguagem de sinais, provando que pessoas surdas podem, de fato, fazer história.

 

completo-libras

 

aula-de-libras-curso

Pessoas que lutaram pelos surdos

Aristóteles foi o primeiro a ter uma reclamação registrada sobre os surdos. Sua teoria era que o ser humano só pode aprender através da audição da linguagem falada. As pessoas surdas eram, portanto, vistas como incapazes de aprender ou ser educadas.

Portanto, eles foram negligenciados até mesmo em seus direitos fundamentais. Tendo até mesmo em alguns lugares se subordinar a leis como, não ter permissão para comprar imóveis ou se casar. Alguns foram até forçados a ter guardiões. A lei os rotulava como “não-pessoas”.

A reivindicação de Aristóteles foi contestada na Europa durante o Renascimento. Estudiosos tentavam educar pessoas surdas pela primeira vez e assim provar que as crenças de 2.000 anos de idade estavam erradas. Esta é a marca do início da linguagem gestual sendo o que iniciou a criação de um idioma gestual e depois foi evoluindo, até o curso de libras que vemos hoje.

 

Início de um novo idioma

Geronimo Cardano, um matemático e médico italiano, provavelmente deve ter sido o primeiro erudito a identificar que a para aprender não requer audição.

Ele descobriu, no século 1500, que pessoas com deficiência de audição podíam ser educadas usando palavras escritas. Ele usou seus métodos para educar seu filho surdo.
Enquanto isso Pedro Ponce de Leon, um monge espanhol, teve muito sucesso com seus métodos de ensino em meio a crianças surdas na Espanha. Ocorrendo ao mesmo tempo em que Cardano estava educando seu filho surdo.

Juan Pablo de Bonet

Juan Pablo de Bonet, um sacerdote espanhol, através de estudos baseados nos métodos de Leon, inspirou-se a ensinar aos surdos usando seus próprios ensinamentos. Bonet usou os táticas de escrita, leitura e conversação, bem como o seu alfabeto manual para educar os surdos.

Seu sistema de alfabeto manual foi o primeiro reconhecido na história de Surdos. As formas de mão neste alfabeto correspondiam a diferentes sons de fala. O abade é uma das pessoas mais importantes na história da linguagem de sinais. Sua mãe queria que ele educasse suas filhas em religião. Depois de descobrir sua surdez, ele se dedicou a educar as irmãs. Logo depois, resolveu que pelo resto de sua vida iria educar os surdos.

 

O começo da Libras…

O abade Charles Michel de L’Epee estabeleceu a primeira escola secreta pública de surdos em 1771. Em inglês, a escola é conhecida como Instituto Nacional de Surdos-Mudos. Crianças de diversas áreas da França vieram para aprender na escola.As crianças surdas tinham seus próprios sinais em casa, depois trouxeram esses gestos para à escola.

Ele aprendeu todos esses sinais diferentes e utilizou os tudo o que aprendeu para ensinar aos seus alunos franceses. Estes sinais logo se tornaram um método padrão que L’Epee ensinou aos alunos. Mais escolas foram fundadas e os alunos colocaram em prática o aprendizado em seus bairros.

Se não fosse esse abade, o sistema de curso de libras não seria o mesmo que é hoje.

Laura Bridgman

Muitas pessoas dizem que o abade de L’Epee inventou a linguagem de sinais, o que não é verdade. Por mais que o abade de L’Epee afirme que o idioma de Libras é a língua nativa para os surdos, Samuel Heinicke acreditava no oralismo. O oralismo foi provocado quando as pessoas usavam o discurso e o discurso para ensinar estudantes surdos em vez de linguagem manual.

Mesmo que este avanço positivo na história de Surdos tenha ocorrido, o oralismo foi o golpe na estrada.

 

Quer saber mais sobre o curso de Libras?

 

Curso de Libras

completo-libras

Gostou?

Interessados no curso de libras? Então confira esses artigos: Alfabeto em Libras | Números em Libras